Quer achar algo?

Google

quinta-feira, 25 de setembro de 2008

Como uma flor


Queria, como o beija flor
que percorre cada flor,
a procura do melhor nectar..
percorrer seu corpo
beijando, cada centímetro
sentir a maciez de sua pele
a textura aveludada, 
cada parte, cada curva
sentindo seu arrepio,
sentir seu corpo extremecer.
Sempre com meus lábios em sua pele
um misto de gosto, tato, cheiro
até encontrar seu néctar
o nectar do prazer,
do nosso prazer, do nosso amor.

domingo, 21 de setembro de 2008

voar


Aprender a voar
sem asas, apenas nos pensamentos
voar, ser livre
sentir a brisa dos teus lábios nos meus
sentir seu toque, como o vento percorrendo meu corpo
sentir rajadas entre meus dedos, como se fossem seus cabelos
pegar suas mãos, voarmos juntos.
entre as nuvens, como se fossem de algodão
além do mar, na imensidão azul..
nos perder, em nossos sonhos.
Apreciar o por do sol de perto,
chegar próximos à lua, 
deitar sobre ela, entre as estrelas.
só nós dois, como você me ensinou.
Dois beija-flores.

domingo, 14 de setembro de 2008

Sonho...


"Preparo-me para deitar e penso em ti.
Sonho em te abraçar,
Em ter-te aqui.
O teu rosto vem-me a memória,
Vejo os teus olhos cor de mel,
Olhos esses que refletem a luz.
Contemplo esse sorriso,
Sorriso esse que me seduz.
Sinto o toque dessas mãos,
O toque desses abraços,
Esses gestos de ternura...

Quero chegar Junto a ti
E dizer o que eu tenho sentido.
Quero dizer-te que te amo"
Então sussurro baixinho, 
para eu o vento leve ao seu ouvido, 
minhas palavras, minhas declarações, meu amor.

Texto original não é meu, o encontrei na net, em alguns lugares,  não conheço autoria, apenas acrescentei algo. 


segunda-feira, 8 de setembro de 2008

Eu quero..



Eu quero..

Um beijo demorado
molhado, apaixonado.
beijo desejado, 
beijo amado.

Um beijo que começa devagar
as bocas se aproximando..
os lábios, lentamente a se tocar
deslizando suavemente um no outro..
mordiscando devagar.
um beijo, em que..
uma lingua começa a procurar a outra
passa pelos lábios, os contornando
procura, sente seu gosto..
gostoso, gosto de amor, de paixão.
Finalmente se encontram..
massageando sua lingua com a minha..
acariciando, num toque que mexe com os sentidos.

quinta-feira, 4 de setembro de 2008

Eu carrego você comigo..


Eu carrego você comigo..

Carrego seu coração comigo
Eu carrego no meu coração
Nunca estou sem ele
onde quer que vá, você vai comigo 
E o que quer que faça
Eu faço por você 

Não temo meu destino
Você é meu destino, meu doce
Eu não quero o mundo, por mais belo que seja,
Pois você é meu mundo, minha verdade...
E você é o que a lua sempre significou
O que o sol sempre cantou

Eis o grande segredo que ninguém sabe.
A raiz da raiz
O broto do broto e o céu do céu
De uma árvore chamada vida.
Que cresce mais que a alma pode esperar 
ou a mente pode esconder
E essa é a maravilha que mantém as estrelas distantes 

Eu carrego seu coração comigo
Eu o carrego no meu coração.

(Poema de E.E. Cummings)


A distância pode separar duas pessoas mas não, dois corações, duas almas, um sentimento.

Pense

"Lembrar é fácil para quem tem memória. Esquecer é difícil para quem tem coração."
Shakespeare

Climatempo

Angel

02/07/08

De almas sinceras a união sincera
Nada há que impeça: amor não é amor
Se quando encontra obstáculos se altera,
Ou se vacila ao mínimo temor.
Amor é um marco eterno, dominante,
Que encara a tempestade com bravura;
É astro que norteia a vela errante,
Cujo valor se ignora, lá na altura.
Amor não teme o tempo, muito embora
Seu alfange não poupe a mocidade;
Amor não se transforma de hora em hora,
Antes se afirma para a eternidade.
Se isso é falso, e que é falso alguém provou,
Eu não sou poeta, e ninguém nunca amou.

William Shakespeare